19
ago/13

Coisas ridículas escritas em embalagens de produtos

Publicador por na categoria Curiosidades, Humor

Não dá para acreditar que estas advertências estão realmente escritas em embalagens de produtos vendidos em Portugal. As advertências aos consumidores abaixo foram colecionadas em hipermercados portugueses, em duas horas apenas, por um médico
brasileiro que ministrou curso em Lisboa, a convite da OMS. Todas são absolutamente verdadeiras, inclusive os nomes dos produtos:

aprenda-a-ler-os-rotulos-de-produtos-1-203

 

Num secador de cabelos:NAO USE QUANDO ESTIVER DORMINDO
(Sei lá, você pode querer ganhar tempo)
Na embalagem do sabonete anti-séptico Dial:INDICAÇÕES: UTILIZAR COMO SABONETE NORMAL
(Boa, Cabe a cada um imaginar pra que serve um sabonete anormal)
Em alguns pacotes de refeições congeladas Swan:SUGESTÃO DE APRESENTAÇÃO: DESCONGELAR PRIMEIRO
(É só sugestão, tá ok? De repente o pessoal pode estar a fim de chupá-las como picolé)
Numa touca para a ducha:VÁLIDO PARA UMA CABEÇA
(Alguém muito romântico poderia colocar a sua e a da amada na mesma touca)
No pudim da Marks & Spencer:ATENÇÃO: O PUDIM ESTARÁ QUENTE DEPOIS DE AQUECIDO
(Sério???)
Na embalagem do ferro de passar Rowenta de fabricação alemã:NÃO ENGOMAR A ROUPA SOBRE O CORPO
(Gostaria de conhecer a infeliz criatura que não deu ouvidos a este aviso)
Num medicamento pediátrico contra o catarro infantil, da Boots:NÃO CONDUZA AUTOMÓVEIS NEM MANEJE MAQUINARIA PESADA DEPOIS DE TOMAR
ESTE MEDICAMENTO
(Tantos acidentes poderiam ser evitados se fosse possível manter esses travessos miúdos de 4 anos
longe dos volantes dos carros e dos tratores Caterpillar)
Nas pastilhas para dormir da Nytol:ADVERTÊNCIA: PODE PRODUZIR SONOLÊNCIA
(Pode não, deve! Foi prá isso que eu comprei).
Numa faca de cozinha:
IMPORTANTE: MANTER LONGE DAS CRIANÇAS E ANIMAIS DE ESTIMAÇÃO
(Será que lá os cachorros e gatos são ninjas disfarçados? Nunca vi nenhum mexer em faca)
Numa caixa de luzes para decoração de Natal:
USAR APENAS NO INTERIOR OU NO EXTERIOR
(Alguém pode me dizer qual é a 3ª opção?)
Nos pacotes de amendoim da Sainsbury:
AVISO: CONTÉM AMENDOINS
(ahhh, sacanagem, Mania de estragar as surpresas)
Numa serra elétrica da Husqvarna, de fabricação sueca:
NÃO TENTE DETER A SERRA COM AS MÃOS OU OS GENITAIS
(Ainda bem q avisaram a tempo: eu já ia parar a serra com o meu p**!)
Num saquinho de batatas fritas:
VOCÊ PODE SER O VENCEDOR. NÃO É NECESSÁRIO COMPRAR. DETALHES
DENTRO.
(sem comentarios)
Numa fantasia infantil de Super-Homem:
O USO DESSE TRAJE NÃO O TORNA APTO A VOAR.
(Olha como isso destrói a imaginação da criança, esse povo nao tem coração)

FONTE: EntreSeForCurioso

Comentários:
0

22
mai/13

A menina que tem um parasita dentro do olho

Publicador por na categoria Curiosidades

Muito esquisito isso, nem sei explicar do que se trata, só sei que achei o vídeo na internet e que fiquei muito curioso! Vejam:

Comentários:
0

20
mar/12

Campeonato Belga teve gol de bicicleta esquisito

Publicador por na categoria Curiosidades, Esporte, Videos

Esse gol de bicicleta no campeonato Belga foi muito esquisito,mas apesar de esquisito foi legal,uma bicicleta bem diferente das comuns,um lance desse é muito difícil se repetir novamente.Vejam:

Comentários:
0

10
out/11

Casal de São Paulo batiza o filho com o nome de “Facebookson”

Publicador por na categoria Curiosidades

É pessoal, há cada vez mais gente doida nesse mundo e com criatividade duvidosa, um casal de São paulo deu ao seu filho o nome de “Facebookson”.

Como muitos casais modernos, o motoboy Anderson Cerqueira e a auxiliar de escritório Janete dos Santos se conheceram por uma rede social. Os dois casaram-se e tiveram um bebê lindo, que nasceu saudável no último sábado. O conto de fadas contemporâneo tinha tudo para ficar no anonimato não fosse por um detalhe: os dois batizaram o bebê com o nome de Facebookson, em homenagem à rede na qual se encontraram pela primeira vez. Anderson contou que teve que ir a dois cartórios antes de conseguir registrar a criança. “Eu queria chamar de Facebook, mas eles disseram que não pode dar nome estrangeiro, então eu coloquei Facebookson, porque eu sou Anderson”, explicou ele. A história ganhou o mundo depois que o jornal americano Daily Bulletin (na foto, o pai com o exemplar), de Los Angeles, publicou o caso.

Nas redes sociais, o casal foi alvo de críticas. Para muitos, o episódio reforça a popularização do Facebook no Brasil. A matéria, publicada na editoria de economia, usou o caso como exemplo de como a rede de Zuckerberg está avançando inclusive no Brasil, onde o domínio do Orkut era absoluto. Alheio a toda a polêmica, o pequeno Facebookson dormia tranquilo no colo da mãe. Resta saber se até ele ficar adulto alguém ainda lembrará do Facebook.

FONTE: Sensacionalista

Comentários:
0